página inicial   |    quem somos   |    como pesquisar   |    anuncie   |    fale conosco
     Agenda:      Feiras    /    Cursos Presenciais    /    Eventos                                                                                     Receba o Viaseg News
PESQUISA RÁPIDA:
produto ou serviço:


Encontro - Governadora participa de encontro de bombeiras militares


02/07/18

 A governadora Cida Borghetti participou nesta quinta-feira (28) do I Encontro Estadual de Bombeiras Militares do Paraná. O evento, que acontece até esta sexta-feira (29) no Salão de Atos do Palácio Iguaçu, em Curitiba, tem o objetivo de valorizar o efetivo feminino e abordar temas relacionados ao papel da mulher na Corporação, seus desafios e conquistas, além de proporcionar a proximidade entre estas profissionais.

 
"Vocês, mulheres, bombeiras militares, colocam suas vidas em prol de outras. Esse é um ato de coragem, de amor, uma escolha de trabalho humanitário também; já percebi a doçura com que vocês tratam situações pesadas, muitas vezes de enfrentamento, de socorro, de buscar e de salvar vidas, sem falar do preparo, sabedoria e conhecimento técnico, por isso conseguem fazem a diferença", disse a governadora.
 
O Corpo de Bombeiros do Paraná possui 222 mulheres em seu efetivo que é composto por 3,5 mil militares. Elas estão na Corporação há 13 anos e ocupam graduações e postos desde soldado até capitão.
 
O encontro debate a atuação das mulheres nos Corpos de Bombeiros sob a ótica da liderança, do serviço operacional e da prestação de assistência qualificada, mediante aos aspectos da responsabilidade, da inovação e da produção de conhecimentos que contribuam para o desenvolvimento das organizações de bombeiros militares.
 
"As mulheres já conquistaram espaço e cada vez mais está sendo respeitado o trabalho delas. Inicialmente duvidava-se da capacidade da mulher devido à sua condição física. No entanto, ela mostrou que com técnica e esforço tudo é possível e, hoje, já comemoramos 13 anos das bombeiras no Estado do Paraná e 41 do ingresso da mulher corporação", disse a comandante-geral da PM, coronel Audilene Rocha, que também participou do encontro.
 
Ainda de acordo com a comandante, as mulheres ocupam postos e graduações importantes, funções diferenciadas, desempenham o mesmo trabalho feito pelos homens e vão, assim, conquistando espaço, demonstrando capacidade de trabalho, "sem deixar de ser mulher, de ter emoções, de se preocupar com as pessoas, e isso é importante".
 
O comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Fabio Mariano de Oliveira, lembrou que está chegando o dia 2 de julho (que comemora o dia Nacional do Corpo de Bombeiros) e, por isso, o evento torna-se ainda mais importante. "Este evento foi organizado pelas próprias bombeiras militares e elas vêm cumprindo a missão de combate a incêndio, buscas e salvamento, ações de defesa civil e, principalmente, fazendo a diferença dentro da nossa corporação", afirmou. "É a comunidade que ganha com a inserção das mulheres no Corpo de Bombeiros", acrescentou.
 
O evento terá quatro palestras: A evolução histórica da militar estadual na PMPR (coronel da reserva da PMPR Rita Aparecida de Oliveira); Ausência de políticas organizacionais que atendam às bombeiras militares (tenente-coronel do Corpo de Bombeiros de Alagoas, Camila Paiva Barbosa); Assédio moral e sexual na caserna: aspectos jurídicos básicos e tópicos essenciais para a discussão (tenente da PMPR Carolina Pauleto Ferraz Zancan); e Mídias sociais: comportamento que transforma sua imagem (tenente da PMPR Michele de Paula Trindade), além de outras atividades.
 
Uma das palestrantes, a tenente-coronel Camila é a primeira mulher do Corpo de Bombeiros de Alagoas a comandar um grupamento operacional em seu Estado e a primeira oficial mulher (ingressou em 2002). "Tudo o que nós fazemos e que estamos discutindo é visando uma prestação de serviço cada vez melhor para a sociedade, porque é para isso que o Corpo de Bombeiros existe, para servir a sociedade. O foco aqui não é a mulher, é aquele que é o sentido de nossa existência: o cidadão", afirmou.
 
Entre as bombeiras participantes está a soldado Ellen Schelbauer Carvalho, que entrou na corporação há quase um ano. Segundo ela, foi através de um trabalho escolar que conheceu o Corpo de Bombeiros. Depois, como vítima, quando sofreu um acidente. "O sucesso da minha recuperação foi graças ao trabalho dos bombeiros", disse a soldado. "Isso tudo foi extremamente essencial para eu escolher a profissão que hoje exerço; tenho orgulho em vestir a farda e posso dizer que é um trabalho árduo, mas muito gratificante. Esse evento é importante para motivar a todas", afirmou.
 


Fonte: Diário dos Campos (PR)


Envie essa notícia para um Amigo


Seu Nome:

Seu E-mail:

Nome do Amigo:

E-mail do Amigo:

Mensagem:




Pesquisar Cursos













     Agenda:      Feiras    /    Cursos Presenciais    /    Eventos                                                                                     Receba o Viaseg News


Área do Anunciante                     Maquinas Industriais   /   Br Domínio Hospedagem de Sites   /