página inicial   |    quem somos   |    como pesquisar   |    anuncie   |    fale conosco
     Agenda:      Feiras    /    Cursos Presenciais    /    Eventos                                                                                     Receba o Viaseg News
PESQUISA RÁPIDA:
produto ou serviço:


Portugal - Tolerância zero para os acidentes de trabalho


29/05/17

Entre 2013 e 2014 a frequência de acidentes de trabalho caiu em quase 10 pontos no setor da distribuição em Portugal. Este é o resultado de uma cruzada que pretende pôr fim aos acidentes de trabalho.
 
A sinistralidade no ambiente de trabalho é um dos fatores que contribui para os índices de absentismo no setor da Distribuição. Mas as ações de sensibilização e prevenção realizadas pelas empresas começaram a dar frutos. De acordo com o mais recente estudo da Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED), que será divulgado a 1 de junho, o ano de 2014 marcou o ponto de viragem, com a queda do índice de frequência de acidentes de trabalho de 38,7 (2013) para 29,4.
 
A redução mais significativa ocorreu sobretudo no ramo alimentar, onde se regista também o maior número de acidentes. Aí, o índice de frequência de acidentes passou de 42 para 31. A exposição ao risco tende a ser maior no local onde decorrem os trabalhos mais pesados: os armazéns. É neste contexto que se verificam índices de frequência e gravidade de acidentes mais elevados.
 
Segurança posta em prática
 
Formação e prevenção entraram na rotina de operações da generalidade das empresas do setor, assim como o investimento na aquisição de novos equipamentos e em intervenções técnicas em instalações para melhoria das condições de trabalho. O objetivo é que os valores continuem a baixar.
 
Tendo a segurança como prioridade, os associados da APED têm vindo a implementar planos de ação para a prevenção de acidentes de trabalho, que se baseiam na realização de auditorias internas e externas, formações contínuas de liderança e de prevenção de riscos laborais, simulacros periódicos, desenvolvimento de campanhas de informação e sensibilização sobre segurança e saúde no trabalho e acompanhamento e avaliação contínua dos riscos associados ao local de trabalho junto dos colaboradores e dos técnicos de segurança e saúde no trabalho.
 


Fonte: Observador (Portugal)


Envie essa notícia para um Amigo


Seu Nome:

Seu E-mail:

Nome do Amigo:

E-mail do Amigo:

Mensagem:




Pesquisar Cursos






Artigos
29/11 - INTERESSES ECONÔMICOS INTEGRADOS À QUALIDADE DE VIDA NO TRABALHO – SONHO OU UTOPIA?

» saiba mais

» ver todos os artigos







     Agenda:      Feiras    /    Cursos Presenciais    /    Eventos                                                                                     Receba o Viaseg News


Área do Anunciante                     Maquinas Industriais   /   Br Domínio Hospedagem de Sites   /