página inicial   |    quem somos   |    como pesquisar   |    anuncie   |    fale conosco
     Agenda:      Feiras    /    Cursos Presenciais    /    Eventos                                                                                     Receba o Viaseg News
PESQUISA RÁPIDA:
produto ou serviço:


Meio Ambiente - Descartes de celulares


29/10/02

SÃO FRANCISCO, Estados Unidos (Reuters) - Com os clientes trocando periodicamente de provedores de serviços de telefonia celular e com as subseqüentes compras de aparelhos mais novos, os telefones celulares descartados estão chegando aos incineradores e aterros sanitários dos Estados Unidos em volume recorde, contaminando o meio ambiente. Mas agora os usuários têm a opção de doar os celulares indesejados para organizações sem fins lucrativos, países em desenvolvimento ou de reciclar seus componentes de maneira ambientalmente segura. "Com um telefone do ano passado doado à organização assistencial internacional CARE, você provavelmente alimentaria alguém por um mês, com as receitas geradas", disse Seth Heine, presidente da Collective Good, uma organização assistencial sediada em Atlanta que administra um programa de coleta de celulares usados no site http://www.collectivegood.com. "O simples ato de reciclar seu celular pode ter profundas ramificações", disse Heine. "O dinheiro pode ser usado para imunização, a fim de impedir que uma criança morra de alguma doença, ou pode-se salvar cerca de 100 metros quadrados de floresta tropical para sempre." Mais de 128 milhões de pessoas nos Estados Unidos usam telefones celulares, e tipicamente os substituem a cada 18 meses, de acordo com um estudo recente da INFORM, uma organização de pesquisa ambiental sediada em Nova York. Até 2005, o grupo prevê que cerca de 130 milhões de telefones celulares, com peso total de 65 mil toneladas, serão "aposentados" ao ano nos Estados Unidos. Não só esses telefones aumentam o volume de lixo que chega aos aterros sanitários como, dizem os especialistas, as substâncias tóxicas que eles emitem são particularmente prejudiciais ao meio ambiente. Os telefones contêm produtos químicos tóxicos, persistentes e bio-acumulativos, conhecidos como PBT, que já foram associados ao câncer e a outras doenças reprodutivas, e neurológicas e de desenvolvimento, segundo a INFORM, um organização de pesquisa ambiental sediada em Nova York. Os produtos químicos dos celulares não se degradam, e sim "acumulam-se no meio ambiente e podem causar danos ao ecossistema", espalhando-se pela cadeia alimentar à medida que as pessoas comem plantas, gado e frutos do mar, diz Eric Most, diretor do Programa de prevenção de Resíduos Sólidos da INFORM.


Fonte: Info Online


Envie essa notícia para um Amigo


Seu Nome:

Seu E-mail:

Nome do Amigo:

E-mail do Amigo:

Mensagem:




Pesquisar Cursos













     Agenda:      Feiras    /    Cursos Presenciais    /    Eventos                                                                                     Receba o Viaseg News


Área do Anunciante                     Maquinas Industriais   /   Br Domínio Hospedagem de Sites   /